quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

quarta-feira, 30 de abril de 2008

resumo da ópera

Os amores nascidos em abril são para sempre. Espero que vocês tenham encontrado algum amor neste mês, que está indo embora hoje. Abril é uma variação de Aprus, nome etrusco de Vênus, a deusa do amor, por isso que rola essa lenda dos amores serem para sempre, quando começam em Abril. Não custa nada tentar, até 23h59 dá tempo de encontrar um novo amor. Abril sempre me deu a impressão de que algo novo iria começar, é um mês de renovação. O fato é que já caminhamos para quase metade de 2008, tudo passa tão rápido. Ainda tenho papéis para rasgar ou guardar e presentes para curtir, são cds, livros, dvds. Por falar em livros, estou lendo "Os ecos do passado" da americana Danielle Steel. É uma novela, como tantas da escritora. A história gira em torno de um casal, formado por uma judia-alemã e um francês católico, que se conhecem no verão de 1915 na Suíça. Apesar da oposição dos pais, os jovens se casam e aí começam os dramas...toda boa novela precisa de drama e muitas lágrimas. A heroína fica viúva e com duas filhas para criar e vê com horror o regime de Hitler triunfar na Alemanha. O enredo é esse, e acho que vou chorar durante a leitura. Espero chegar até o final, ultimamente tenho lido muito pouco. Aliás, tenho um pouquinho de preguiça para ler, não devia ser assim. Um bom exemplo disso, foi o fato de ter comprado em junho de 2005 a biografia de Charles Aznavour, ter começado a ler em julho ou agosto do mesmo ano, mas até hoje não concluí o livro. Explico: só leio as histórias do cantor quando vou à praia. Acho que tenho ido pouco à praia. Gosto de ler, só tenho que ter mais força de vontade.
Que venha o mês de Maio, conhecido como o mês das noivas. Faz sentido, amores em abril, casamentos em maio...
E para quem está em busca de um amor ou querendo provar o seu amor para alguém, um vídeo da cantora francesa, Chimene Badi. A música é "Je vais te chercher" (Eu vou te buscar). Eu conheço muito pouco sobre Chimene Badi, mas ouvi essa música num dos vôos da Air France, e fiquei com o refrão na cabeça, é meio chiclete:
je vais te chercher partout
je vais te chercher à vie
je vais te garder
et te crier comme je t'ai aimé
je vais te chercher à vie
je vais te chercher partout
je vais te prouver tout l'amour que je veux te donner

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.