quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

pacote de lembranças


Ontem à noite demorei a adormecer, enquanto o sono não vinha resolvi abrir uma das gavetas do meu criado-mudo. Comecei a revirar tudo, encontrei alguns livros, folhetos, fotos e um pacote cheio de envelopes e alguns cartões. Eram cartas, cartões postais e alguns bilhetes enviados por pessoas amigas, muitas das quais eu perdi contato, como a Ana Maria, Lili e Gelson. As cartas datam de 1989, meu Deus! Quase vinte anos atrás. Em tempos de internet, com e-mail, Orkut e até as mensagens via celular, quem ainda envia cartas? Mas confesso que tenho saudades daquele tempo. Receber uma carta era tão bom, um cartão de aniversário e os incríveis cartões de Natal - muitos quando você abria tocavam música, etc. Reli algumas cartas, as lembranças vieram e adormeci.

2 comentários:

  1. Sabe que também tenho saudades desse tempo.
    Tantos foram os cartões de Natal com desejos de Feliz Natal e Próspero Ano Novo, cartões de Aniversário, cartões de Dia das Mães para minha mãe, tia e mãe de amigas...
    Hoje em dia, infelizmente isso caiu por terra.
    É uma pena.
    Não se entregava um presente sem um cartão.
    Eu me lembro de trocar cartas com minhas amigas, postais quando viajavam.
    Era uma coisa mais concreta, mais sólida.
    Enfim; a modernidade e o virtual roubaram a cena.
    Bons tempos aqueles!!!
    Bjus

    ResponderExcluir
  2. É isso mesmo Valéria, hoje em dia é tudo rapidinho. Por um lado facilitou, mas por outro perdemos a poesia dos gestos.

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.