quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Sopros de Vida

Está em cartaz no Teatro I do CCBB, a peça "Sopros de Vida" do inglês David Hare. Esta é a primeira montagem brasileira de um texto do dramaturgo e roteirista inglês. Hare é uma grande novidade para quem acompanha teatro, embora seja conhecido pelos filmes "As Horas" e "O leitor", que fizeram grande sucesso. "Sopros de Vida" teve uma bem sucedida temporada europeia e agora chega aos trópicos encenada por Naum Alves de Souza e estrelada por Nathalia Timberg e Rosamaria Murtinho.
A ideia central do espetáculo é um acerto de contas entre duas mulheres que durante 25 anos dividiram o mesmo homem. Amante e esposa frente a frente, preparadas para um grande duelo.

(Nathalia Timberg e Rosamaria Murtinho - encontro de grandes damas do Teatro)

As histórias sobre traição sempre geram grande expectativa. Qual seria a reação da amante ao ver em sua casa a mulher traída? E a atitude da esposa em relação à amante? Muitos sentimentos em jogo. Hare é provocador e desafia o público a entender o seu quebra-cabeças. As frases são irônicas, rápidas. Algumas falas cortadas abruptamente. Palavras do marido ditas pela amante para a esposa e vice-versa. O público não verá nenhum bate-boca, nenhum puxão de cabelo. Da chegada tensa e tímida da esposa até a despedida das duas mulheres, tudo transcorre de maneira tranquila, quase discreta. Afinal, elas são inglesas. O europeu tende a ser mais frio, mas nem por isso deixa de resolver as suas questões. E, de certa forma, as duas mulheres tomam as suas decisões e cabe ao espectador imaginar que caminhos elas irão trilhar.

"Sopros de Vida" é um espetáculo bem feito, com direção cuidadosa do talentoso Naum Alves de Souza que conduziu muito bem as estrelas da peça. O cenário de Celina Richers é funcional e reproduz com eficiência um studio, com belos móveis e até uma cozinha americana. Os figurinos de Beth Filipecki são muito bonitos e vestem elegantemente as atrizes. A luz de Wilson Reiz, assim como a música de Edgar Duvivier qualificam ainda mais a peça.

Assistir ao encontro de Nathalia Timberg e Rosamaria Murtinho, é antes de tudo, um presente para o público. São dois talentos do nosso teatro, dedicadas e ótimas intérpretes. As atrizes estão precisas em suas atuações e acertaram o tom das suas personagens. Nathalia interpreta a amante (Madeleine), uma mulher madura, bem mais velha que a esposa e o marido. É descontraída, bem resolvida e possuidora de grande senso prático. Rosamaria Muritnho, dá vida à esposa (Frances), tímida, uma mulher que se acomodou com o casamento e que se apoia no trabalho de escritora para levar a vida e sobreviver à traição do marido.

Por mais delicado que seja e, talvez até possa ter incomodado ou vá incomodar algum espectador (afinal, que atire a primeira pedra quem nunca traiu ou foi traído); "Sopros de Vida" merece ser vista, seja pela qualidade do texto, das atuações e da direção ou simplesmente pelo fato de fazer o espectador refletir.

********************

Anote:

Onde: Teatro I do CCBB - Rua Primeiro de Março, 66 - Centro

Quando: de quarta a domingo, às 19h00

Quanto: R$ 10

6 comentários:

  1. Belíssimas atrizes. Duas estrelas de primeira grandeza. Essa peça deve ser uma maravilha: por ser europeia com um tema muito relevante. Certamente, a ótica deve ser mais apurada que a nossa, pois vemos e sentimos a coisa de uma maneira mais acalorada. eles são mais contidos.
    Traição vai bem em qualquer arte: cinema, televisão, teatro, literatura, enfim. É um tema que rende, rsrsrs.
    E quem já não traiu ou foi traído, não é?
    Ótima dica, Jorge!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Amante e "oficial" cara a cara? Parece ser interessante. Quem tem que ter receio é o marido/amante, quando duas mulheres se juntam para falar de homem, ainda mais do mesmo homem, sai cobras e lagartos! E como é barato as peças aí. Quando essa peça vier pra cá - Porto Alegre - certamente custará uns R$ 40,00 o ingresso mais barato, infelizmente.
    Bjos e valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  3. Oi Dani
    Os espetáculos nos teatros do CCBB, têm - como gosto de dizer - "preço de custo". O patrocínio cobre tudo. Esta é a verdadeira política cultural. Mas os preços nos teatros de shopping são umma loucura...rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Jorge valeu muito a dica. Nathalia Timberg e Rosamaria Murtinho sao super atrizes. Vamos estar em Sao Paulo no carnaval e estavamos mesmo progurando programas, com certeza iremos conferir...
    Ah !! J'a somos seus seguidores, acompanhando sempre !!
    bjs, Ellen

    ResponderExcluir
  5. Jorge, que pena, qdo li q era no Centro Cultural Banco do Brasil, no centro da cidade, achei q era aqui no nosso, em Sao Paulo, agora vi que 'e no Rio... uma pena, entao vamos esperar !!!

    ResponderExcluir
  6. Queridos Antonio e Ellen
    Ora, nao seria nada mal vocês esticarem um pouco e virem ao Rio, assim conheceriam o CCBB daqui também...rs
    Um abraço e obrigado por acompanhar o Caviar.
    Jorge

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.