quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Grinzing

Em algumas cidades no mundo os museus e atrações turísticas não abrem às segundas-feiras. Nesse dia o jeito é inventar um programa ou se jogar nas compras. Eu prefiro pegar um ônibus e sair conhecendo a cidade. E foi assim que conheci o Grinzing, bairro afastado do Centro de Viena. A sensação é de se estar numa cidadezinha de interior. Este bairro vienense tem um pequeno charme: é onde estão situados os vinhedos da cidade. Os vinhedos ficam na parte alta do bairro e toda a produção é vendida nas Heurigers (misto de restaurante/taberna).

A segunda-feira amanheceu linda, sol intenso, céu azul e muito frio. Entre erros e acertos com bondes e ônibus cheguei ao Grinzing e logo notei a diferença: um ritmo mas lento, tudo calmo, tranquilo, pouca gente na rua. Um bairro residencial. Acho que por ser segunda-feira alguns restaurante não abriram , mas encontrei o "Grinzinger Bräu" onde comi muito bem. Era um restaurante com buffet a inacreditáveis 11,90 Euros! Um achado. Tomei uma sopa, comi salada, prato quente e sobremesa, uma taça de vinho. Perfeito.

Depois do almoço iniciei uma caminhada pelo bairro e fiquei observando as ruas e as casas.

E assim, no meio da caminhada parei e tomei um ônibus que me levou até o alto do bairro, também conhecido como Kahlenberg. É uma região fantástica, cercada por bosques. Do alto avistamos os vinhedos e temos uma vista panorâmica de Viena, inclusive com o Donau (o Danúbio). Cliquem na foto para ampliar.

Gastei boa parte do passeio em Kahlenberg. Curtindo a vista e aproveitando um pouco do sol vienense.

Foi uma ótima opção para a segunda-feira. Melhor do que ficar preso em lojas consumindo loucamente...rs

4 comentários:

  1. Jorge,
    muito legal o seu passeio! Não conheci Kahlenberg. Quem sabe um dia volte por aquelas bandas.
    Abs.

    ResponderExcluir
  2. Claudia
    Retornando a Viena não deixe de ir. Vale muito pelo visual e tranquilidade.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Definitivamente seremos bons companheiros:
    adoro acordar cedo em viagens e odeio fazer compras! Pegar um trem ou um ônibus, ou à pé mesmo, e sair para o mundo...é a melhor coisa a se fazer.
    Amei esta cidadela. Que linda!
    Quero também!
    Beijo
    Cristina BR

    ResponderExcluir
  4. Cris
    Foi um dos passeios que mais gostei em Viena. Era uma cidadezinha de interior dentro da cidade.
    Já torço pela nossa viagem.
    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.