quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

sábado, 13 de novembro de 2010

Yo no creo en brujas, pero que las hay, las hay!

Eu não sou supersticioso. Mas não deixo de recitar o Salmo 91 quando o bicho tá pegando. Aliás, deveria ter feito esta leitura santa ontem, dia 12/11. Que dia! Tudo começou quando liguei para certa operadora de telefonia celular. Foram apenas duas e quarenta e cinco minutos ao telefone falando com todos os atendentes, ouvindo "eu vou esta transferindo" ou "o senhor vai estar aguardando...". Finalizado o assunto, depois de repetir ad nauseum os dados da empresa, o número do celular, recebi um e-mail com a solução. Ufa!
Saí do trabalho e parti para o Theatro Municipal para comprar ingressos para "O Barbeiro de Sevilha". Tudo lotado, poucos lugares bons. Faltavam 5 minutos para a bilheteria fechar. Precisava ligar e confirmar com as pessoas, não encontrava ninguém no celular. Para não ter problemas e com a cara amarrada do bilheteiro, resolvi ir embora. Decidi comprar os ingressos no sábado (hoje) pela manhã e com mais calma. Saí do Theatro e lembrei que estava sem um tostão. Não me preocupei pois no caminho iria passar em frente à agência do meu banco. E quando lá cheguei a porta estava fechada, sei lá o porquê. Só vi os guardas fazendo sinal que não podia entrar. Continuei minha saga até chegar ao CCBB onde encontraria uma pequena fila nos caixas, mas ao menos consegui pegar meu dinheirinho. Retornei à casa e constatei que não havia feito um pagamento. Vesti uma bermuda e parti para o caixa eletrônico de outro banco que tenho conta. Resolvi ir na agência que fica perto de um mercadinho perto de casa. Adivinhem? A porta estava quebrada e ninguém tinha como entrar. O jeito seria ir no outro caixa eletrônico que fica no Largo do Machado. Antes, porém, passei no mercadinho para comprar meu pão coberto de queijo provolone. Cadê o pão? Tinha acabado. Lá fui eu para o banco. Comecei o longo processo para fazer o pagamento, digita senha duas vezes, passa o boleto no leitor e nada. Passei de novo. Nada. O jeito era digitar o quilométrico código de barras. Foram três tentativas e a mensagem: "o código está incorreto". Eu estava a ponto de quebrar a máquina, até que resolvi colocar muitos zeros após o último número do código que estava no boleto. Pronto, consegui. Pergunta: Por que emitem boletos sem os zeros que completam o código???. Como estava perto de um mercado, resolvi entrar e comprar o almoço de sábado. Na hora de pagar a compra com o mesmo cartão que acabara de utilizar, a moça do caixa diz: "a senha está incorreta. Tente de novo, senhor". Digitei e a mocinha já com sorriso irônico disse "tá errado, o senhor só pode digitar mais uma vez". Como estava errado? foi o mesmo cartão que eu havia usado para pagar a conta no banco. Sem querer perder o resto de calma, peguei outro cartão e paguei. Saí dali e lembrei que precisaria de cerveja preta. Ia fazer aquele picadinho com cerveja preta. Entrei em outro mercado, peguei a cerveja. Fui direto para o caixa que estava vazio e vi a placa "caixa fechado". Segui para outro caixa, onde havia apenas uma pessoa que já estava pagando as compras. E assim do nada, a atendente me diz "Meu querido, por que você não paga ali no outro caixa, tá aberto". Aí já era demais, falei: "O caixa está fechado e quer saber não vou levar nada!". Que dia!

7 comentários:

  1. Jorge...Você tem que fazer que nem a Clara Nunes - se banhar com mangericão. Brincadeiras à parte, tem dias que tudo parece dar errado; mas temos que manter o pensamento positivo, pois com certeza, somos fortes o suficiente para transpor essas adversidades. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Desculpe, mas estou aqui achando a maior graça... porque isso já aconteceu comigo tbém!! Tem dias que parece que nada conspira a nosso favor! O ideal, como vc mesmo mencionou é se proteger antes de sair de casa...SALMO 91 como escudo!!
    E aquelas atendentes de operadoras de celular ??Ninguém merece!!!!Sem contar o terrível gerúndio..."vou estar transferindo"...etc...etc...é pra tirar qualquer um do sério!!
    Espero que o seu domingo seja maravilhoso, com muitas surpresas felizes!! E não esqueça:
    SALMO 91...
    Abraço!
    Jad

    ResponderExcluir
  3. Jorge, então eu vou ler o Salmo 91 quando tudo estiver contra! Muitas vezes acontece algo errado um atrás do outro! Parece impossivel de aceitar (acreditar sim, veja só, vc é um exemplo de q acontece com todo mundo). E sabe de uma coisa?! Eu nunca saio da cama com o pé esquerdo, só dá para sair com o direito, então ... é magia no ar e claro, não é das melhores! kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Wilson
    Não me banhei com manjericão, mas passei arruda pelo corpo dentro do mercado...rs
    Abraços

    JAD
    Seria trágico se não fosse cômico..rs Revendo tudo, só rindo mesmo. Mas na hora a vontade é de mandar tudo pelos ares. Por enquanto, só fico na vontade...rs
    Beijos

    Sissy
    Acho que na última sexta havia uma conspiração inversa a meu favor...rs
    Beijos e saudades

    ResponderExcluir
  5. Oi jorge!
    Sempre passo por aqui, mas nunca comentei. Hoje sou solidaria a você pois tem dias que pensamos ter sido melhor não levantar. Acontece comigo também, ainda bem que somos capazes de superar e acordar no dia seguinte refeitos e esperançosos. Salmo 91 e bonne chance!

    ResponderExcluir
  6. Credinho! Quando tudo tá dando errado, é melhor ficar quieto para não correr riscos, haha! Então o picadinho com cerveja preta não saiu? Ah, uma dica quando se trata com operadoras telefônicas, prefira o email ao telefone, é bem menos estresse. Bjos e bom feriado!

    ResponderExcluir
  7. Olá Dani
    O picadinho saiu e ficou muito bom! Ao menos isso..rs
    Beijos e adorei o visual que vc adotou nos eu blog!

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.