quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

domingo, 4 de agosto de 2013

Mini Mundo ou voltando a ser criança...


Com o tempo algumas recordações da infância somem, claro algumas permanecem vivas. Sempre gostei de parques e de brinquedos - tive poucos -, mas me divertia com o que havia por perto. Quando estive em Gramado há 20 anos, fiquei encantado com o Mini Mundo. Um Parque que surgiu do amor de um pai e de um avô e que resiste há 30 anos alegrando crianças e adultos. E para saber de toda a longa história basta clicar aqui.
Não havia uma agenda definida para o sábado,  por isso quando Maria deu a idéia de visitarmos o Parque, achei perfeito para finalizarmos nossa tarde. Este passeio trouxe boas recordações e saudades de uma das épocas em que fui muito feliz na minha vida.
Como vocês já observaram, o Mini Mundo é um parque com miniaturas de obras arquitetônicas reais em escala 24x menor. Tudo ganha vida com as miniaturas dos diversos personagens que habitam essa cidade. Um trabalho minucioso e com um resultado incrível.
Nesta visita a maioria das reproduções eram de prédios de diversas cidades da Alemanha, como esse belo Castelo de Neuschwanstein e que consumiu nove meses de trabalho.

 Ao fundo a estação de esqui de Bariloche.
Um lugar para sonhar
 
Além das construções estrangeiras encontramos reproduções de prédios nacionais:
 Igreja barroca - Minas Gerais
Palácio do Ipiranga


Uma novidade, depois desses vinte anos é a presença desses anfitriões simpáticos que participam de diversas atividades com as crianças de todas as idades... o parque conta ainda com área de alimentação e lojinha para venda de diversos produtos e, claro, brinquedos como esses bonecos lindos da foto abaixo.
Foi uma tarde perfeita, cheia de recordações, saudades e momentos bons. Por algumas horas voltei a ser a criança e saí dessa realidade cruel dos nossos dias gananciosos...rs
E para fechar bem o nosso dia, parada para um chá e um crepe. Maria retornou para Porto alegre e eu voltei para o Hotel para descansar um pouco.
Por volta das 21hs, depois de uma sessão de hidromassagem, saí para jantar. Rodei um pouco procurando um restaurante, queria um lugar tranquilo, sem barulho. Um pouco difícil com a cidade cheia de turistas, mas encontrei o Josephina,  um bistrô cool, como defini.  
A casa pertenceu ao bisavô dos proprietários e foi transformada num restaurante, ao mesmo tempo chic e despojado e repleto de lembranças dos antigos moradores, como fotos, quadros, objetos de trabalho e coleções de discos. Ambiente muito agradável e acolhedor. 
Não resisti quando entrei no banheiro e vi esse velho cofre como objeto de decoração, sem contar a parede cheia de mapas. Fotografei. Havia, também, malas numa prateleira - mas a foto não ficou boa. 
O cardápio é recheado de pratos ótimos, mas depois de um dia intenso, pedi apenas uma sopa de cebola - a sopa! E chegou quentinha, com pão e muito queijo derretido, comme il faut e, acompanhando, uma tábua com queijo, pão e crôutons fabricados no restaurante.
 Estava saborosa!
E essa foi a única foto que publiquei no facebook durante a viagem, guardando o meu "segredo" e deixando alguns amigos curiosos. Uma noite inesquecível!

Anote:
Mini Mundo
Rua Horácio Cardoso, 291 - Gramado/RS - Fone: (54) 3286.4055 
Diariamente das 10hs até às 17hs.

Rua Pedro Benettti, 22 (ao lado da Catedral)
Tel.: (54) 3286-9778

4 comentários:

  1. Que lindo Mini Mundo... eu conheço o original dessa igreja em Minas Gerais (é a de Ouro Preto, do famoso Aleijadinho, certo?)
    Acredito que os adultos se divirtam tanto como as crianças.
    Um abraço, amigo, e uma doce semana
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ruthia
      Eu acredito que seja, mas não tenho certeza, pois - falha minha - não consultei a plaquinha e as igrejas mineiras se parecem muito. Enfim, a diversão é garantida.
      Beijos

      Excluir
  2. As fotos ficaram magníficas e junto com elas vem a lembrança tão prazerosa de nossa companhia, Fortunato.
    Que maravilha isto... sei que compartilhas comigo essa alegria que é conhecer pessoas do mundo virtual, tocá-las, tornar-se real aquilo que alimentamos fantasiosamente.
    Um grande dia para ti, amigo,
    Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria
      Aquela tarde de sábado foi muito especial! Sobretudo pelo fato de estar com você!
      Beijos

      Excluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.