quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Feliz Ano Novo

Queridos amigos, companheiros e leitores do Blog,
Um pouco de poesia para a passagem de ano e os meus melhores votos de felicidades e realizações para 2014!
Um grande abraço e obrigado por acompanharem "Acabou o Caviar?". Sei que este ano deixei muitas falhas e a produção de posts não foi a esperada, porém no ano que vem tudo vai ser diferente. Aguardem e mais uma vez, Feliz Ano Novo!!!!!
Receita de Ano Novo


Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação como todo o tempo já vivido
(mal vivido ou talvez sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser,
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar de arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto da esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
 
Carlos Drummond de Andrade

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

E 2013 foi assim...

E chegamos ao fim de mais um ano. Nesse momento começamos a fazer um balanço, analisamos os ganhos, as perdas e esperamos o resultado. Positivo ou Negativo? Ou nem um, nem outro?
O fato é que já ter chegado aqui e estar contando isso num post, só pode ser Positivo.
Entre altos e baixos 2013 foi um ano bom!
Para ilustrar este post escolhi algumas  fotos que traduzem os meus melhores momentos. Foram viagens inesquecíveis e encontros incríveis. Emoções únicas!

 Fevereiro
Carnaval no Chile Viña del Mar

Maio/Junho
Feriado de Corpus Christi - visita à Montevidéu
Julho 
Do virtual para o real: Encontro com Maria Marçal em Gramado. Um ótimo momento deste ano. Amizade que ficou ainda mais fortalecida.

Setembro
12 anos depois voltei ao Rock in Rio para assistir ao mega show do "The boss" Bruce Springsteen

Outubro
Mais um ótimo momento: conhecer ao vivo e a cores Adriana Pessoa, amiga mineira que é a delicadeza em Pessoa.

Espero contar com todos vocês no ano que vem chegando para poder compartilhar um pouco desses momentos.

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Feliz Natal

 
 
Desejo a todos os leitores e amigos do Blog uma ótima noite de Natal!
 Que seja uma bela noite para reflexão sobre a importância dessa comemoração!
Feliz Natal e tudo de melhor para todos nós!!

domingo, 1 de dezembro de 2013

Professoras em cena

Na semana passada vivi uma ótima experiência assistindo  duas peças nos palcos do Rio de Janeiro. Sem prestar atenção, escolhi espetáculos que tinham como protagonistas uma professora.
 
 
A primeira peça assisti na segunda-feira, dia 25 no Centro Cultural Banco do Brasil. Li pouco sobre o espetáculo Prof! Profa! estrelado por Jandira Martini. Confesso que fui para conferir a atuação dessa grande dama do Teatro. Este é o primeiro monólogo da atriz. E foi maravilhoso. Jandira interpreta uma professora de Literatura. A peça discute o papel dos sistemas de ensino em um mundo que se pauta cada vez mais por processos interativos e participativos.
O texto é do belga, Jean-Pierre Dopagne e Jandira foi dirigida por Celso Nunes, num cenário simples composto apenas de mesa e uma cadeira. E nem precisava mais, pois a atriz enche o palco e prende o espectador durante os 60 minutos de duração do espetáculo. Um prazer a atuação dessa atriz, apresentando uma história não muito diferente das mutias que ouvimos e temos notícias nos últimos anos. Um desfecho surpreendente.
*****

O segundo espetáculo que assisti foi "Querida Helena Serguêievna", texto de Ludmila Razumovskaia, com direção de Isaac Bernat e está em cartaz no Centro Cultural da Justiça Federal.
A professora Helena Sergueiêvna,no dia do seu aniversário, tem a surpresa de receber seus alunos para a comemoração. A surpresa maior não é a visita, é o verdadeiro propósito da vinda dos alunos. E a surpresa ainda maior é a transformação de todos a partir desta experiência.
Quando li a sinopse, fiquei extremamente curioso e valeu a  pena ter ido conferir este espetáculo e conhecer o trabalho da atriz Helena Varvaki que interpreta a protagonista. Um trabalho muito delicado e bem realizado. Além de Helena estão no elecno, Fábio Cardoso, Gabriel Vaz, João Pedro Zoppa e Marina Provenzzano. "Querida Helena Sergueiêvna" foi uma surpresa e um agradável momento.
*****
 
Anote:
Prof! Profa!
Onde: Centro Cultural Banco  do Brasil
Quando: Qua a Dom, às 19hs
Quanto: R$ 10

"Querida Helena Sergueiêvna"
Onde: Centro Cultural da Justiça Federal
Quando: Qua a Sab., às 19hs
Quanto: R$ 30