quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

domingo, 25 de janeiro de 2015

Da cidade subterrânea até Ankara - Capítulo 16

Depois das emoções do passeio de balão, retornamos ao Hotel para o café da manhã e logo em seguida partimos em direção à Ankara, capital da Turquia. Deixei meu coração na Capadócia e pretendo voltar um dia e ficar pelo menos três dias, curtindo mais a região e desvendando os mistérios desse lugar fascinante.
Antes de chegarmos à Ankara, fizemos uma parada em Aksaray, para visitar uma das muitas cidades subterrâneas que existem no lugar. No caminho, passamos pelo lago saldo, o segundo maior da Turquia e, pelo nome, o maior produtor de sal da região. No verão, a  água evapora, deixando descoberta uma capa de sal de aproximadamente 30 cm. No inverno, parte do sal dissolve-se na água que volta a cobrir o lago.
Quase duas horas depois da saída da Capadócia, chegamos à Aksaray.
Logo na entrada do sítio arqueológico, encontramos senhoras da região que vendem bonecas. Assim que elas avistam o primeiro turista, começam a gritar oferecendo seu produto...
Preparado para começar a expedição. Vamos descer alguns metros abaixo da terra... há muitas cidades subterrâneas na região, mas apenas 10 estão abertas á visitação. 
É possível que esta cidade tenha sido habitada antes do Cristianismo. Esta que visitamos possui 3 níveis. Existem outras com mais níveis, sendo que o máximo encontrado foram 9 níveis. Porém, descer 3 níveis abaixo da terra, para mim, já é mais que suficiente...
Aos claustrofóbicos de plantão, aconselho a compra das bonequinhas de tecido, um chay ou a contemplação do universo... 
E vamos descendo e subindo, descobrindo como os povos antigos viviam...

Luísa, nossa guia - de branco - , nos orientando dentro do labirinto...
 Enfim, a luz no final do túnel...
 ... e na saída, as adoráveis vendedoras de bonecas.


Ankara e um momento histórico

Enfim, chegamos à Ankara, capital administrativa da Turquia  e segunda maior cidade do país. Nossa chegada coincidiu com a posse do novo presidente, Recep Erdogan.
Algumas ruas estavam fechadas e havia faixas e bandeiras por toda parte.

Por conta da posse do presidente Erdogan, não realizamos a visita ao Mausoléu de Ataturk (fundador da República da Turquia e seu primeiro presidente), um edifício monumental que ocupa uma área de 750.000 m². Fica para a próxima.  
Populares carregam faixas com o nome do presidente.
E, de repente, surge o novo primeiro-ministro da Turquia, Ahmet Davutoglu, caminhando tranquilamente e cumprimentando o povo. Claro que estava cercado por seguranças.
 
Esta foto teria sido um furo de reportagem... se eu tivesse publicado no dia 28 de agosto de 2014... mas deixei para contar depois e o tempo foi passando...
Museu das Antigas Civilizações da Anatólia

Depois do Mausoléu de Ataturk, este Museu é, sem sombra de dúvidas, a segunda atração da cidade de Ankara. Não é à toa que foi eleito como o melhor Museu da Europa no ano de 1997. Ele abriga uma coleção respeitável e guarda objetos e esculturas desde o período paleolítico da região da Anatólia. Um achado para pesquisadores e estudiosos. A exposição é detalhista e a visita pode durar horas, de acordo com o olhar do visitante. Nossa guia nos conduziu pelo Museu e nos apresentou às peças mais importantes da coleção. É uma visita imperdível.
Na entrada do Museu
Escultura hitita nos jardins do Museu
Vencedor na categoria "Museu europeu do ano de 1997"
Deusa-mãe, escultura do 6º milênio a.C., encontrada em Çatalhöyuk, representa a fertilidade.
Escultura Hitita
Escultura de um Rei Hitita
Brincos que teriam pertencido à Helena de Tróia
Colar de ouro encontrado em Troia
Vasos e objetos das antigas civilizações que habitaram a Anatólia expostos nos jardins do Museu
Mudança de figurino - ganhei a camiseta do Museu e vesti na hora.
O soldado aponta a "saída"...  Foi a melhor visita de museu que fiz nesta viagem. Um acervo muito rico, tudo cronologicamente explicado e uma guia conhecedora do assunto. Melhor impossível!!!
E fechando a série dos hotéis Cinco Estrelas da excursão, hospedagem no Rixos Grand Ankara.
Achei a decoração um pouco over, com muita informação... mas o Hotel é muito bom, com ótimos serviços, piscinas e todo conforto que precisamos...
Assim que abri a porta do apartamento, as persianas se abriram e na televisão uma simpática mensagem de boas vindas...
O quarto não poderia ser melhor, muito confortável...
... e espaçoso
E esta banheira era uma delícia...

Depois do jantar com as guias da Meridian Tours. Ao meu lado direito, Luísa Konfidan, guia de turismo maravilhosa, fluente em português. A outra guia, muito simpática, estava com um grupo de espanhóis.
Um drink com Marília no bar do Hotel, para celebrar uma viagem espetacular!

2 comentários:

  1. Nove níveis abaixo da terra e moravam lá?! Como é possível? No Egito desci às catacumbas romanas, em Alexandria, e não me senti mal, mas acho que não desci 3 níveis. Imagino isso com calor, deve ser tremendo.
    Sigo para o próximo post.
    Abraço
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ruthia
      Isso era possível por conta dos dutos de ar. Mas, por incrível que pareça , o ambiente estava refrigerado... muita pedra, acho que é isso. Mas, definitivamente, não nasci para ficar escondido rsrsrssr
      Beijos

      Excluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.