quem escreve

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, apreciador das artes, das viagens e das pessoas que têm algo a dizer.

domingo, 13 de dezembro de 2015

Lisboa, aqui me tens de regresso

Depois de passar três noites no Porto, retornei à Lisboa na terça-feira de carnaval. A viagem de trem foi ótima e aproveitei para dormir ... da estação Oriente, peguei o metrô até Marquês de Pombal, onde fica o Hotel Fênix Garden. 
Fiquei hospedado em um apartamento de frente para o Parque Eduardo VII.

O Hotel Fênix Garden é de categoria três estrelas, tem ótima localização,  ônibus e metrô ao lado e o quarto é bem confortável. 
 Praça Marquês de Pombal
É incrível a energia que toma conta do nosso corpo e da nossa alma quando estamos viajando. Eu poderia ter tomado um banho, guardado as roupas no armário e descansar um pouco. Só que não... guardei as malas, fui até a recepção para pegar um mapa e saí andando feliz como se não houvesse amanhã.
 
Acho que toda cidade europeia tem uma grande avenida que logo batizo como a "Champs-Elysées" local. Em Lisboa é a Avenida da Liberdade, que liga a Praça Marques do Pombal à Praça dos Restauradores.
Com certeza é  uma das mais bonitas de Lisboa, com belo calçamento de pedras portuguesas...
.... que parecem tapetes.
 No passeio encontramos hotéis, lojas de grife, restaurantes,  o meu cinema...
 ...e o casario colorido. 
Avenida da Liberdade vista a partir da Praça dos Restauradores
 
No centro da Praça, o Obelisco de 30 metros, data de 1886. Observem o detalhe do desenho das pedras.
E já que estava ali na Praça, aproveitei para dar um pulinho até o boêmio Bairro Alto, de onde se tem bela vista para o Castelo de São Jorge. Este bonde da foto acima é chamado de "elevador" e leva até o Bairro Alto. O trecho é mínimo e o preço nas alturas...suba a pé e queime suas calorias.
 E lá em cima no Miradouro, a bela vista para o Castelo de São Jorge.

Um dos programas que gosto de fazer é de caminhar e entrar pelas ruelas para descobrir os cantinhos perdidos, as pequenas tascas e admirar o casario.
 
 
 E no meio da caminhada uma pausa para queijos, presuntos e um vinho...
 Desci o Bairro Alto e cheguei na Baixa.
 Um cafezinho no A Brasileira ...
Livraria Bertrand a mais antiga do mundo.
 
Vale a pena entrar e conhecer. Comprei um livro de poemas e contos de Florbela Espanca. No Caixa, o livro ganhou um selo de "comprado na livraria mais antiga do mundo".

Gosta de comprar lembrancinhas? Descobri essa lojinha ótima. Clique aqui e veja o site. Souvenirs de boa qualidade e com ótimos preços.
  
 A noite já dominava a cidade, passando um pouco das 20 h. Hora do jantar. 
 
Minha amiga Sabina estava em Lisboa e me falou de um restaurante simpático no Chiado - A Grelha do Carmo (Rua da Condessa, 3A). É um autêntico restaurante português de porções fartas, comida deliciosa e preços inacreditáveis. Pedi um bacalhau à Lagareiro. Quando chegou à mesa, pensei que o garçon havia se enganado. Olhem o tamanho do prato e da porção!
Não poderia ter encerrado a noite de forma melhor!

4 comentários:

  1. Ah, como eu gosto dessa cidade!
    Belo roteiro, Jorge. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo belo roteiro. Abraço, Sandra

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo belo roteiro. Abraço, Sandra

    ResponderExcluir
  4. Linda descrição, Jorge! É sempre um prazer acompanhar este blog!

    ResponderExcluir

Obrigado por ler e comentar este post.
Abraços e volte sempre.